(1951) Quo Vadis ita

Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de (1951) Quo Vadis ita superior. Esta lista de filmes reúne os filmes históricos divididos por época que o enredo de cada deles abrange.

Júlio César, de 1953, dirigido por Joseph L. Cleópatra, de 1963, dirigido por Joseph L. O cerco de Siracusa, ITA-FRA 1960, de Pietro Francisci, com Rossano Brazzi. A queda do Império Romano, Estados Unidos 1964, de Anthony Mann, com Alec Guinness, Sophia Loren e Stephen Boyd . Spartacus: Blood and Sand, Spartacus: Gods of the Arena e Spartacus: Vengeance, séries americanas sobre o império romano.

Desbravadores, 2007 de Marcus Nispel com Karl Urban. A Odisséia, minissérie para a TV de Andrei Konchalovsky, adaptada da obra de Homero. Os Dez Mandamentos, de Cecil B. A Vida de Brian, de Terry Jones, sátira.

Sansão e Dalila, de Cecil B. O Filho de Deus, de 2014, dirigido por Christopher Spencer. Enrique II e Enrique III de Inglaterra. Ivanhoé, o vingador do rei, 1952 Estados Unidos direção: Richard Thorpe. O Último Reduto, filme sobre a assinatura da Magna Carta pelo rei João de Inglaterra. A Rainha Margot, de 1994, dirigido por Patrice Chéreau, com Isabelle Adjani e baseado num romance de Alexandre Dumas. Stealing Heaven, direção de Clive Donner atuação de Kim thompson.

Narra a história do amor entre Abelardo, um filósofo e a inteligente heloísa, na França do século XII. O homem que não vendeu sua alma, de 1966, dirigido por Fred Zinnemann, com Paul Scofield, sobre a vida de Thomas More. La Reine Margot, de 1994, dirigido por Patrice Chéreau. O Homem da Máscara de Ferro, sobre um romance de Alexandre Dumas, que conta sobre uma troca de Luís XIV por um irmão gêmeo. O Novo Mundo, de Terrence Malick, com Colin Farrell e Q’orianka Kilcher. Revolução, Al Pacino vive um camponês que não escolhe o envolvimento no irremediável turbilhão da revolução de Independência dos Estados Unidos.